As pequenas e médias empresas investem em mídias digitais?

A ReachLocal divulgou, na semana passada, uma pesquisa sobre os investimentos feitos pelas PMEs em publicidade na internet. Separadas em seis grandes setores – automotivo, educação, saúde, home services, imobiliário e B2B -, a pesquisa revelou que as empresas que mais destinam recursos às mídias digitais são as de educação, 26% do total investido, seguido pelas empresas que atuam no ramo B2B, responsáveis por 22% dos investimentos.

No entanto, esses valores são mal distribuídos entre os possíveis canais de mídia. A ReachLocal revelou que, de todo o montante investido pelas PMEs às mídias sociais, 80% do valor é gasto com o Add Word, serviço prestado pelo Google que vincula determinadas palavras chaves em sua ferramenta de busca às marcas anunciantes, seguido pelo Facebook, com apenas 10% dos investimentos.

Para se ter uma noção da disparidade, o setor de educação investe, em média, 72,6% de seu orçamento de mídias sociais no buscador, 16% no Facebook, 6,5% no display do Google (anúncios), 4,5% no Facebook e, apenas 0,4% no Twitter.

Em contrapartida a esses números, é possível ver que já existe um movimento de migração sendo feito pelas PMEs, que atualmente priorizam o Add Word, para outras mídias sociais.

Isso porque os valores cobrados por palavras como “consultoria” ou “roupas” são cada vez maiores devido ao grande número de marcas que disputam essas palavras. Dessa forma, empresas com menor capital disponível para investir em mídias sociais estão, aos poucos, migrando para canais mais baratos, que restringem sua visibilidade, mas, ao mesmo tempo, possibilitam conversar com nichos mais voltados para seus produtos ou serviços.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *